Category Archives: Fábio Farias

Maria, aflita

Por Fábio Farias – Enjoei. Distraída, Maria olha para o marido. Ele tinha um olhar sério. – É, enjoei! Maria, então, coloca o pano de prato sobre a mesa e diz: – Tá sentindo alguma coisa meu bem? Bem que o doutor Juvenal disse para você não comer frituras… Determinada, ela foi direto na estante […]

Da literatura jerimum: entrevista com Patrício Júnior

Por Fábio Farias É inegável a influência positiva que a internet causou em todos os setores da cultura. Anarquista por natureza, a grande rede beneficiou iniciativas independentes e conseguiu fazer com que boas idéias rodassem o nosso país continental e conseguisse se manter ao atrair para si um novo público. Uma dessas iniciativas é o […]

A Intuição

Por Fábio Farias – Duas rosas brancas. A mulher, ainda estranhando um pouco o pedido daquele rapaz que aparentava ter algo em torno de 20 anos, esboçou algo parecido com um sorriso e pediu que esperasse um momento. Passaram um, dois, três momentos, e ele ainda aguardava o seu pedido. Ansioso para receber as rosas […]

Uma ode à pobreza

Por Fábio Farias Antes de estourar com o popular “Tropa de Elite”, José Padilha já era um diretor conhecido no meio cinematográfico pelo seu trabalho anterior: o documentário “Ônibus 174” – que conta os detalhes da história do principal personagem responsável pelo seqüestro de um ônibus, no Rio de Janeiro, em 2000. Em uma linguagem […]

Casa da Ribeira: Essa luz pode apagar

Fotos e texto: Fábio Farias Edição: Priscila Adélia – Quero deixar que vocês criem. Não se preocupem com o certo ou errado apenas criem. Gritou Henrique para uma turma de cerca de dez alunos que se amontoava no palco de madeira da Casa da Ribeira, no escuro. Confusos, os meninos e meninas cataram os pedaços […]

Barro e Sangue

Por Fábio Farias Manhã em São Gonçalo do Amarante. Um tiro. Um corpo no chão. “Itep, itep, temos um corpo em São Gonçalo”. Outro tiro. “Itep, itep temos mais dois corpos”. Tiros. “Itep, Itep, precisamos de reforços, temos mais quatro corpos em São Gonçalo!”.

Habemus Copa

Por Fábio Farias Habemus Copa, diriam os monges. Ufanismo, câmera da Globo mostrando o funkzão rolando na praia de Ponta Negra para comemorar o anúncio. Pessoas sorrindo, prefeita dando declarações de como-isso-é-uma-conquista-do-povo-potiguar. Governadora reiterando aquilo tudo e dizendo aquele velho texto de que o Governo do Estado, junto com a iniciativa privada irão investir na […]

Novo Catorze

Por Fábio Farias Há em todo o momento a vontade de crescer. Desde pequenos, quando observamos nossas pernas curtas, nossas mãos ainda pequenas, nossos braços que mal alcançam o mundo queremos atingir a altura de um adulto, a altivez, a força que eles tanto nos demonstram, quando ainda somos ínfimos pirralhos.

Despedida

Por Fábio Farias – Vou para Budapeste. Disse enquanto estávamos nus, deitados de barriga para cima numa cama bagunçada sob uma lâmpada amarela, quase falhando. Ela virou seu corpo em direção a mim, sua mão tocou os meus cabelos e falou, com tristeza na voz.

A Copa

Por Fábio Farias Os times se preparam. A imprensa, nervosa, entrevista os técnicos e os personagens que podem desequilibrar a final. Polêmica para lá, polêmica para cá, alguns jogadores trocam farpas. Os comentaristas fazem as suas apostas. Os torcedores se provocam. O país, pára. É a final da Copa de Literatura.